Meio ambiente

A Nissan está engajada em construir um futuro ambientalmente mais justo. Ser a primeira montadora a receber globalmente a certificação 14001, que atesta processos ecológicos, é apenas um dos aspectos. A Nissan está liderando mundialmente as discussões sobre as vantagens dos veículos elétricos, que não emitem CO2. A empresa tem um histórico de pesquisas sobre o tema e, em 2010, lançará o Nissan LEAF, primeiro veículo 100% elétrico a ser comercializado em grande escala.

A montadora está à frente de um movimento que busca parcerias com a iniciativa público-privada para incentivar o uso do veículo que não emite poluentes. Um importante acordo foi firmado em abril de 2010 com a Prefeitura Municipal de São Paulo para encorajar o desenvolvimento de infra-estrutura e oportunidades necessárias para colocar o Nissan LEAF nas ruas da cidade. Mais de 50 acordos similares já foram firmados com o poder público e privado em todo o mundo.

Alguns dos benefícios do Nissan LEAF:
• Baixo custo de manutenção
• Não há emissão de ruídos
• Não tem queima de combustível, logo não libera CO2, um dos gases responsáveis pelo aquecimento global

Mais sobre o LEAF
A produção do carro elétrico popular da Nissan começará no Japão com uma capacidade inicial de 50 mil unidades no primeiro ano. Em seguida, as plantas da montadora em Smyrna, nos Estados Unidos, e Sunderland, no Reino Unido devem também fabricar o Nissan LEAF. O veículo usa baterias de lítio e tem autonomia para percorrer até 160 quilômetros. Quer saber mais? Clique aqui (site em inglês).




    Deixe uma resposta

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: